Conferência sobre a salvaguarda das pessoas assistidas pela SSVP

Data de publicação: 12 Novembro 2019

Promovida por nossos irmãos da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) da Inglaterra e País de Gales, realizou-se, de 25 a 27 de outubro, na sede do CGI em Paris, uma conferência sobre a salvaguarda (proteção e segurança) das pessoas assistidas pela SSVP. Essa conferência abordou questões como abuso ou tratamento impróprio, com foco especial no abandono infantil.

Dirigentes vicentinos dos cinco continentes participaram da reunião, liderada pelo CGI, na figura do seu 2º Vice-Presidente Geral, Sebastián Gramajo, e do Tesoureiro Geral, Larry Toumey, que leu uma mensagem do Presidente Geral Internacional (PGI), Cfd. Renato Lima, como segue:

A Confederação Geral da SSVP compartilha dessa preocupação. Por esse motivo, arregaçamos as mangas e adotamos linhas de ação e um protocolo de acordo com os princípios – de proteção dos menores e pessoas vulneráveis – estabelecidos na Carta Apostólica emitida ‘motu proprio’ pelo Sumo Pontífice e pelo Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, do qual somos membros.”

A SSVP está atenta à responsabilidade que possui, pois ajuda pessoas física, social e economicamente desfavorecidas, bem como os emocionalmente carentes, sendo que precisam de todo o nosso respeito e cuidado. Por esse motivo, devemos observar as Regras e estatutos da SSVP e cuidar de todas essas pessoas como elas merecem. É importante implementar mecanismos de segurança que mantenham as pessoas mal-intencionadas afastadas e que evitem transgressões, irregularidades ou desvios de finalidade em relação aos serviços destinados àqueles a quem a SSVP serve com tanto zelo.

O principal resultado que se pretende atingir a partir da iniciativa de salvaguardar as pessoas assistidas pela SSVP, é que cada Conselho Nacional deve abordar esta questão, e como associação civil, respeitar a legislação e regulamentos pertinentes estabelecidos em cada país, informando devidamente as autoridades competentes a esse respeito, sempre cooperando com o sistema de justiça e buscando transparência na defesa dos direitos daqueles que estão em situações vulneráveis, que é, em última instância, a missão da SSVP.

Existem algumas boas práticas e recomendações para a proteção dos mais vulneráveis; a saber, a proteção dos mais necessitados, que começa com a natureza humana e cristã daqueles que fazem parte da SSVP. Nesse sentido, qualquer recrutamento de membros, voluntários ou funcionários é analisado rigorosamente e essas pessoas recebem a formação adequada. Além disso, recomenda-se que algumas atividades, como visitas domiciliares ou outras de maior delicadeza, sejam realizadas em grupo ou em pares, evitando possíveis situações irregulares.

Esse evento reforça o compromisso da SSVP para com os assistidos, enquanto se alinha ao lema vicentino de ‘Faça o bem enquanto faz bem’, buscando melhorar o serviço prestado ao nosso próximo, a quem respeitamos como irmão.

Em Nairóbi, durante a próxima reunião anual do CGI em 2020, essa questão será abordada novamente em profundidade. Enquanto isso, uma equipe de vicentinos representando membros de todo o mundo trabalhará da melhor maneira para que todos os países da SSVP adotem um protocolo de salvaguarda às pessoas assistidas, com ênfase especial nos menores.

 

Compartilhar

Nos actions dans le monde

Une action de proximité, menée par des bénévoles qui œuvrent auprès des plus démunis dans leur communauté.

En savoir plus

Près de chez vous

La Société de Saint-Vincent-de-Paul compte 153 implantations à travers le monde. Localisez l’antenne la plus proche de chez vous et découvrez les actions que la SSVP mène dans votre région :

En savoir plus